Livro: Meu Coração e Outros Buracos Negros | Resenha #23

março 02, 2018
📝 Nova resenha 📝
Livro: Meu Coração e Outros Buracos Negros - Uma faísca pode mudar tudo
Autora: Jasmine Warga
 Páginas: 312
 Editora: Rocco
Nota: ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️/♥




Sinopse: Um tema amargo, mas necessário. Em Meu coração e outros buracos negros, a estreante Jasmine Warga apresenta aos leitores um romance adolescente que aborda, de forma aberta, honesta e emocionante, o suicídio. Aysel, a protagonista, enfrenta problemas com a família e os colegas de escola, como tantos jovens por aí, e, aos 16 anos, planeja acabar com a própria vida. Mas quando ela conhece Roman num site de suicídio, em busca de um cúmplice que a ajude a planejar a própria morte, num pacto desesperado, a vida dos dois literalmente vira de cabeça para baixo. Aos poucos, Aysel percebe que seu coração ainda é capaz de bater alegremente. E ela precisará lutar por sua vida, pela vida de Roman e pelo amor que os une, antes que seja tarde.



ResenhaAysel Seran é uma adolescente que tem dezesseis anos, ela trabalha no telemarketing da Tucker's Marketing Concept (TMC). Aysel está com depressão, e em seu trabalho ela entra no site "Passagens Tranquilas.", que é um site destinado a pessoas que querem se suicidar, e vai até a seção "Parceiros de suicídio." É aí onde ela encontro o RobôCongelado.

O RobôCongelado, na verdade, é o Roman. Um garoto com depressão e que já decidiu a data do seu suicídio. Dia sete de Abril. Os motivos para o ato? É apenas um, a culpa. Um grande acontecimento inesperado ocorre em sua vida. Roman se considera o culpado e isso o deixou no fundo do poço.



Aysel Mora com sua mãe, seu padrasto e seus dois meio-irmãos. Seu pai foi preso e desde a sua prisão Ela foi morar com a sua "nova família". Ela na sua infância era uma garota normal criada pelo pai, mas em um dia inesperado tudo mudou sua vida. Seu pai cometeu um crime. Todos da sua cidade começam a enxergá-la de modo diferente. Aysel sente que as pessoas acham que ela iria fazer o mesmo que o pai e até ela mesmo se achar que pode ser como seu ele. Após o acontecimento, ela isolou-se e mudou de vida. Deprimida, Aysel só deseja acabar com sua vida.



"Admito que pensava que isso era estupidez. Quero me matar só para ficar sozinho para sempre, então Nunca entendi porque alguém faria isso com outra pessoa. Mas mudei de ideia. Estou com medo de amar e lá no último minuto ou coisa assim. Tem outras coisas também, mas prefiro não entrar em detalhes aqui..."
"Tenho poucas exigências... E, três, precisamos fazer isso no dia sete de Abril. A data é inegociável. Mande mensagem para mais informações. "

-RobôCongelado


Após Aysel aceitar o trato proposto por RobôCongelado, eles se encontram e aos poucos vão se conhecendo. Ao decorrer da história vamos nos aprofundar na vida dos dois personagens. No começo percebemos que a vida dela é complicada, ela sempre que a lesma negra, a depressão, a corrente a cada dia que se passa. Porém Roman, aparentemente, tem uma vida normal e também país adoráveis. 

Juntos eles selam o pacto de parceiros suicidas, no data sete de Abril será o tão esperado dia. 



"-Você não pode morrer sem mim. - Sussurra ele."

No desenvolvimento da história conhecemos os reais motivos, os medos e um novo amor. Aysel percebe que está se apaixonando pelo Roman, mas ele não quer que de forma nenhuma ela dê pra trás e desista do acordo. Aysel terá que entender seu sentimentos, se salvar e salvar seu novo amor. 

" - Às vezes é preciso que outra pessoa observe como você vive para você perceber como vive."

Minha opinião:

Depressão e suicídio na adolescência são assuntos complexos, e Foi incrível a forma que a autora Jasmine Warga relatou os temas. Uma escrita maravilhosa, de te fazer largar o livro apenas quando finalizar a estória.  

Os personagens criados são únicos. A personalidade marcante da Aysel é o toque mágico do livro, já que ela é a narradora. Não criei expectativas com a estória, apenas deixei a autora me levar na estória da Aysel e do Roman.


A composição dos elementos, dos personagens e dos pequenos detalhes deixou o livro muito rico. A lição por trás dessa emocionante estória é incrível. Algo que deveria ser repassado aos jovens e as suas famílias. Fiquei impressionado ao saber que esse foi o primeiro livro da autora.
📖✨

Então pessoal, espero que tenham gostado. Deixe sua opinião nos comentários. Obrigado! 🤗💙


::Menino Livros::


Haulisson Radynny




22 comentários:

  1. Tenho muita vontade de ler esse livro, Mass sempre vou deixando para depois.
    Sua resenha me animou.

    Depressão e suicídio em qualquer idade e fase da vida são assunto a complexos e situações complicadas. Adoro essas abordagens em histórias, bom saber que a escrita da autora é boa e que o livro possui personagens marcantes e únicos.

    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, são assuntos complexos, mas são ótimos para serem explorados.

      Abraços.

      Excluir
  2. Olá!

    Eu sou um pouco estranha pra livros com temática forte como o suicídio, depressão e afins. Tratar o amor como uma "cura" pra essas coisas fica me parecendo romantização, pode até não ser, mas não vejo como o "amor" pode fazer isso, pelo menos não o amor de parceiros. Enfim, o livro parece trazer alguma mensagem importante, mas não me sinto muito inclinada a ler justamente por medo de ver romantização.
    Adorei a resenha, mas passo a dica desta vez.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      O livro traz uma mensagem incrivel inclusive com amor no meio. Creio, que em momento nenhum a autora tento romantizar a situação, se fez isso eu não percebi.

      Abraços.

      Excluir
  3. Esse livro estava na minha meta de leitura ano passado, mas não li pq já tinha lido vários com tema pesada e cheio de gatilhos e mexe com a gente, né? Mesmo assim quero tentar dar uma chance ainda esse ano =D

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? Conheço este livro tem um tempinho, e desde que soube sobre o mesmo tenho curiosidade. Acho que são temas importantes que devemos ter conhecimento, por isso pretendo ainda lê-lo. Sua resenha só me deixou com mais expectativas do que esperar. Adorei <3
    Beijos,
    https://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu ainda não conhecia esse livro e gostei bastante de saber que ele aborda temas tão pesados. Gostei da sua resenha e fiquei bem curiosa com a leitura do livro.

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Que história interessante, eu não conhecia esse livro e gostei de saber sobre o tema que ele aborda, mesmo sendo pesado é muito informativo para todos. Alguns livros deveriam ser tão divulgados como o futebol..rss

    Beijos e Abraços VIVI
    http://vickyalmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    É a segunda resenha que leio sobre este livro e estou bem curiosa sobre ele. Já tinha adicionado a minha lista de leitura e espero poder ler em breve! Amei sua resenha e a sensibilidade das palavras nela!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu amo tanto esse livro, tanto! É um dos meus livros favoritos da vida, a metáfora que a depressão é uma lesma é simplesmente genial e me senti representada demais, esse livro tem tantos diálogos fantasticos.

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho que ler esse livro, acho que deve ser uma leitura muito interessante. Mas e o tempo para a gente ler tudo o que quer?
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  10. Olá! O enredo é bem inusitado e trata de assuntos bem delicados.. Parece bem interessante a leitura e a capa por si só já chama a atenção. A resenha ficou muito gostosa e fluida de ler e com certeza me deixou com vontade de embarcar nessa leitura.!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  11. O tema abordado é forte e dramático e fico feliz em ver que a autora soube escrever sobre. Personagens únicos me é cativante. Já tinha visto o livro, mas não conhecia sua premissa e gostei bastante do que me apresentou. Sem dúvida é uma recomendação que anoto.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, eu tenho bastante curiosidade de ler esse livro principalmente pelo tema tratado, pelos seus comentários parece que a autora soube trabalha-lo muito bem e construir muito bem a protagonista *-* Adoreia resenha.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Quando vi pensei que fosse algo voltado para ficção científica, mas me surpreendi com a sua resenha e ver que o autor trouxe elementos e um drama que me atrai muito pra leitura.
    Fiquei com vontade de conhecer mais a fundo esse história.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  14. Olha, ando com muito receio desse tipo de livro. A temática é por demais série e, às vezes, os autores romantizam alguns aspectos. Uma das coisas que acho preocupante é esse negócio de que o amor-relacionamento cura.


    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Adoro livros que trazem algum tipo de lição e esse parece ser um deles. Adorei sua resenha e vou deixar a dica anotada para ler depois.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Infelizmente não consegui me ligar à história nem pelo sinopsr nem resenha. Gostei muito do jeito que você descreveu, mas acho que eu não me divertiria lendo.

    ResponderExcluir
  17. A temática é interessante, mas sempre tenho ressalvas sobre como é abordada nos livros, principalmente de entretenimento, geralmente o que vejo é uma confusão de ideias soltas. Como nunca li Meu coração, então, vou dar uma chance, até por causa de sua resenha que está fabulosa.

    ResponderExcluir
  18. Um tema forte que sempre tem que ser conversado e nunca esquecido. Um ótimo livro para mostrar a importância deste assunto. Adorei.

    ResponderExcluir
  19. Hey, tudo bem?
    Esse é um dos meus livros favoritos da vida. Eu confesso que tive medo quando peguei ele para ler, pois pensei que o tema, tão complexo, seria banalizado, mas fiquei contente por ver que não é nada disso, que a autora trabalhou tudo de forma fascinante e envolvente sem menosprezar sentimentos.
    Estou doida para reler!
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi, Haulisson :)
    É a primeira vez que paro e leio uma resenha dessa obra que me traz um misto de sentimentos quando bato o olho na capa.
    Depressão e suicídios são assuntos sérios, o mal do século e não é a toa que se recomendar ler tais livros com essa temática para tentar entender a doença e os motivos que levam uma pessoa desistir dessa vida mas que em hipótese alguma deve ser lido por alguém que está passando por essa doença, por esse conflito emocional uma vez que pode até ajudar a acelerar a decisão de suicídio.
    Lendo as suas impressões e como o romance da Aysel floresce com o do Roman logo de cara me veio o filme QUARTO DO SUICÍDIO que possui a mesma temática onde dois jovens estão em um jogo (único ponto diferente) e decidem suicidar em tal dia e tal hora. Recomendo você ver esse filme e se chocar tanto ou mais quanto eu me choquei com as cenas apresentadas e como se deu o fim desse drama.
    Pelo visto a autora arrasou e logo no livro de estreia, hein. Tem coisa melhor do que chegar já lacrando? ahusahsuhsa
    Parabéns pela resenha.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.